domingo, 1 de maio de 2011

Fanfic Nova: End The World

Bem Sumi, mais agora estou de volta para mostrar em 1ª MÃO meu projeto (na realidade apenas o 1º, o segundo ainda está a 7 chaves guardado e só lá para o FDS que vocês descobrirão mais sobre a Cross Aliance) Enfim sem mais delongas, vós apresento o capitulo piloto de End The World. Comentem e digam o que acharam e se gostarem passem para frente!!


Capitulo 1 – Corra ou morra!
São Paulo, 21 de dezembro de 2012
Já era exata 09h30min da manhã quando Paulo, meio sonolento, acordou com o barulho da TV que anunciava um peculiar ataque de uma pessoa a outra, ataque esse que seria normal, se logo após o repórter que noticiava o fato não tivesse dado um desesperado grito de socorro. Então ele, mas que depressa despertou e foi tomar um banho, pois talvez fosse um sonho, quem sabe. Durante seu banho ele ouviu baterem na porta então ele perguntou:
- Quem é?
- Sou eu Paulo, abre a porta para eu fazer a barba meu.
- Ah Silvio! Vai passear to no banho. Não vou abrir porta nenhuma. E antes que eu esqueça o que você estava assistindo?
- Nada, tava vendo qualquer coisa, quando passou uma noticia curiosa, sobre um homem mordendo o outro, até o repórter foi atacado.
Depois da parte do homem mordendo o outro Paulo não ouviu mais nada, simplesmente ficou ali calado, pensando se tudo aquilo era verdade. Mas como isso poderia ser possível? Será que esse homem era um... Não, para ele isso era inconcebível, pois zumbis existiam apenas na ficção então era impossível que eles pudessem existir na vida real. Depois de sair do banho ele foi para o computador como de costume, e foi ver as noticias, coisa que ele raramente fazia, e para sua imensa surpresa ele se deparou com inúmeras noticias sobre ataques à varias pessoas ao redor do mundo, ataques esses cometido por outras pessoas que pareciam estar meio mortas. Nesse momento o celular dele toca, o que deixa ele assustado.
-Alô
-Paulo?
- O que foi Gordo? Quase que você me mata de susto!
- Que gay você hein. E bem você já viu as noticias do dia?
- É... Infelizmente vi, mas não to entendendo mais nada, zumbis não era fruto da ficção?
- E EU LÁ VOU SABER CARALHO?! Só sei que o melhor a fazer agora é irmos atrás de um lugar seguro, mas antes temos que arrumar armas!
- Agora aonde vamos arrumar armas cacete?
- Como tudo isso deve estar um caos, da pra pegar fácil na delegacia de policia.
-Ah tá. E bem pêra ai que tem outras duas chamadas em espera. Alô!
- Paulo?! Que bom que você atendeu, já estava ficando preocupada!
- Ruh! Que houve?
- Você não viu as noticias dos ataques não?
- Ah vi... Mas eu acordei quase agora, então nem sai de casa.
- ENTÃO NÃO SAIA!
- Mas se eu ficar em casa pode ser mais arriscado não?
- É melhor você ficar dentro de casa, até porque ai tem pouco movimento. Então o risco de você encontrar algum desses zumbis é quase nulo.
- Bem, sinto dizer, mas vou sair de casa minha mãe foi trabalhar e eu não quero que ela seja pega por esses monstros então vou salva-la.
- Tá, tá. Só me prometa que vai se cuidar!
- Ok. Mais que prometido, depois de buscar minha mãe, vou até ai. Enquanto isso fique dentro de casa.
-Tá né.
- E bem qualquer coisa eu te ligo, Tchau. Beijos. Te amo. Agora deixa eu atender a outra ligação. Alô! Quem é? E antes que pergunte to bem sim e to inteiro.
- Ainda bem!
- Liih! E bem fora saber se to bem o que mais você quer me pedir ou saber?
- Ah é que eu to preocupada. Acabei acordando quase agora e quando vi não tinha ninguém em casa, ai quando liguei a TV tava passando aquelas noticias dos ataques. Então queria saber se dava para você vir aqui para gente conversar sobre isso?
- Ok, pode deixar, daqui a uns 20 minutos no máximo to ai pode ser?
- Pode sim.
- Ok então. Daqui a 20 minutos nos falamos. Tchau. Beijos. Pronto Gordo ainda ta na linha?
- To sim, e você demorou muito man, tava dando o rabo é?
- Não. É que a Rúbia e a Lizandra me ligaram por causa da noticia também. E eu falei que ia na casa da Lizandra daqui a 20 minutos.
- Aff emo. Você só fode nossa vida hein. Mas vamos fazer o seguinte então: Eu fico com as mulheres que pintarem na parada e você com o Money e os veículos. Fecho?
- Vamos pensar nisso em outra hora! E tipo assim, como ficará a parte da comida?
- A gente vai dividir entre a galera que tiver com a gente, seu noob! E bem como vamos ir à casa da sua amiga sem carro ou algum meio de transporte seguro?
- Ah man, vamos pelo Valo Velho, ai a gente desce pelo Independência. É menos perigoso para nossas vidas.
- Ta bom então, se você ta dizendo. Então já to colando ai na sua casa, e para o seu bem é melhor você estar pronto se não vou deixar você para ser comido pelos zumbis.
- Ta ok. Vou só pegar algumas coisas que podem ser úteis e já to descendo.
-Beleza. Falou mano, até já.
- Falou.
Então Paulo desligou o telefone e foi pegar algumas coisas que talvez fossem úteis, mais precisamente ele pegou uma faca, uma garrafa de suco e um pedaço de ferro.
Quando ele estava para descer Silvio, seu irmão, perguntou:
- Ta indo aonde veado?
- Veado é você. E bem to indo andar por ai.
- Sei, espera ai que vou com você.
- Ok. Só não demora.
Passado uns 5 minutos, Silvio desceu com uma mochila e os dois saíram da casa e encontraram com Jonathan perto da padaria e eles foram andando em silêncio. Quando eles chegaram perto das casas Bahia eles viram um micro ônibus abandonado então Jonathan disse:
- Bem vamos lá ver se da para usar ele como meio de transporte.
- É claro que da, ele ta vazio.
- Mas é um noob mesmo. Temos que ver se ele esta com a chave, se não tiver vai ficar meio difícil sairmos daqui.
Então os três foram andando, entraram no ônibus e quando olharam viram que a chave estava ali na ignição, então Jonathan disse:
- Eu dirijo.
- Pêra ai Gordo, eu sou o mais velho dessa joça! EU DIRIGO ESSA PORRA!
- Calma ai. PARA O MUNDO QUE ERA PARA EU TER DESCIDO NO PONTO ANTERIOR! A gente pode dirigir um ônibus? E o principal algum de você dois sabem dirigir um ônibus?
- Foda-se o que a gente pode ou não pode! O mundo acabou, e esse é o meio mais seguro de chegarmos à casa da sua amiga. É pegar ou largar!
- Ok. Se é por esse lado ta fechado! Vamos nessa então?
- Vamos! – Disse Silvio e Jonathan em coro.
Depois de muito impasse ficou decido que os três dirigiriam de modo alternado começando pelo Jonathan, depois seria o Silvio e o Paulo seria o ultimo. Quando Jonathan ligou o Micro ônibus, ele abriu sua mochila e tirou de lá uma disqueira contendo vários CDs de musica, isso sem contar os Pendrives que estavam dentro da mochila.  
-Gordo, me explica para que esse monte de CD e esses pendrives todos? – Perguntou Paulo intrigado.
- Porra emo... Você acha mesmo que eu vou ficar sem ouvir algo decente!?
- Tenho certeza que não.
- Então pronto! E bem deixa eu colocar algo decente.
ore wa jigoku no TERORISUTO
kinou wa kaasan okashita ze
ashita wa tousan hotte yaru
I am a terrorist straight out of hell
-Man, você vai ouvir Detroit Metal City mesmo?
- Claro que sim caralho! Agora não amola e me deixa dirigir.
E ele começou a dirigir, enquanto ele dirigia apenas se ouvia o hino satsugai* ecoando dentro do ônibus. Quando eles entraram na descida que dava para o Independência uma horda de Zumbis ali estava sedento por sangue, Jonathan não pensou  duas vezes e começou passar por cima de todos enquanto cantava “satsugai satsugai seyo. satsugai satsugai seyo ♫”.
- Mano, da para trocar essa musica ou é pedir demais? – Disse Silvio meio bravo.
- Calma ai Silvio, a gente ta ouvindo algo inspirador para poder matar esses bichos sem culpa.
- Fale por você emo! Eu quero mais é que o mundo se foda, ao menos vai ser menos peso para esse mundo.
- É né...
- Enfim vamos nessa!
Depois de cerca de alguns zumbis atropelados eles conseguiram passar sem muitos problemas, quando eles chegaram ao final da descida, eles encontraram um carro de policia abandonado. Os três, então desceram do micro ônibus e foram lá, quando chegaram ao carro viram que dentro deles havia algumas armas.
- Caralho! Achamos um armamento decente nessa porra! – Berrou Jonathan empolgado.
- Isso é. Ai tem algumas armas que podem ser uteis.
- Podem não cacete elas são uteis! Bem vamos pegar o que der e colocar no ônibus! – Disse Silvio.
- Tá né.
Então eles pegaram as armas e as levaram para o ônibus, quando eles estavam para entrar no ônibus apareceu alguns zumbis para cima deles e eles não pensaram duas vezes antes de atirar neles, mas antes que eles pudessem respirar aliviado apareceu mais zumbis ao redor do ônibus.
- Caras, acho melhor sairmos daqui. – Falou Paulo sério.
- AH MANO VAI TOMAR NO CU! Agora que o negocio ia ficar legal!
- É né gordo, ia ficar legal. Mas se a gente morrer aqui não vai ser NADA legal!
- Ta né... Então vamos subir logo para a Porra do ônibus!
Eles subiram para o ônibus apressado e antes que os zumbis os alcançassem deram a partida e foram rumo ao encontro da Lizandra.

Um comentário:

  1. pow legal quero ver o resto, tomare q continue no msm nível ^^'

    ResponderExcluir